quarta-feira, 8 de junho de 2016

Parábolas & Séries #6: GOT: Daenerys Targaryen, Ovos de Dragão, Davi e Bate-Seba

http://shop.moonfirecharms.com/products/game-of-thrones-daenerys-targaryen-dragon-egg-necklace
     Bom dia, boa tarde ou boa noite, caríssimos companheiros de parábolas! Em nossa coluna sobre sobre séries, estamos abordando alguns elementos de Game of Thrones enquanto assistimos à sexta temporada da série. Já fizemos um resumo da série na primeira parábola da coluna, falamos de Jon Snow e de Bran e Hodor, logo após a descoberta de como Hodor se transformou em... Hodor!

     Gostaria de abordar um aspecto de Daenerys Targaryen neste dia com vocês. Se fizéssemos um estudo apenas do nome daquela que é a Rainha de Meereen, Rainha dos Ândalos, e Primeiros Homens, Senhora dos Sete Reinos, Protetora do Domínio, Princesa de Pedra do Dragão, Khaleesi do Grande Mar de Grama, chamada Daenerys Nascida na Tormenta, A Não Queimada, Mãe dos Dragões, Quebradora de Correntes. Ela é a última remanescente, até onde sabemos, da linhagem real da Casa Targaryen, dinastia retirada do poder pela revolta de Robert Baratheon.  



 Símbolo da Casa Targaryen.

     Ela está a bastante tempo distante de Westeros e muitas coisas aconteceram a ela ao longo dos anos. Praticamente vendida por seu irmão para casar com o líder de tribos de cavaleiros nômades do Oriente chamados Dothraki ficando viúva rapidamente de Drogo, um dos Khal (Nome dados aos líderes do Khalasar).

     Precisaríamos de vários posts para falar de Daenerys e sua trajetória até o momento, porém neste post quero falar a respeito de um dos presentes de casamento que ela recebe. Três ovos de Dragão são dados a ela por Magister Illyrio, senhor da cidade de Pentos.

     
      A muitos séculos não se viam dragões em Westeros, já haviam se transformado em lenda. Quando Daenerys passa pelo fogo (Dizem que os Targaryen são imunes ao fogo) durante a cerimônia da queima do corpo de Drogo, os três ovos chocam dando origem aos dragões Drogon, Rhaegal e Viserion. Em seu nascimento são pequenos e podem ser controlados colocando-os em gaiolas.


      Muitos inimigos se levantam para tomá-los da Khalessi enquanto ainda podem ser controlados, porém conforme o tempo vai passando eles vão crescendo e começam a ter um grande poder de destruição.


   Quanto mais eles crescem, mais independentes de sua "mãe" eles ficam e começam a gerar problemas para a agora rainha de Merreen:


    O ápice destes problemas foi quando um de seus dragões acaba carbonizando a filha de um pastor de cabras durante sua caça por comida, levando a rainha a Acorrentar dois de deles pois o terceiro, Drogon, havia desaparecido.


    Muitas coisas recentes têm acontecido com Daenerys e seus dragões, mas para nossa análise vamos parar com o contexto por aqui.

    Aproveitando que estamos falando de OVOS (Na Parábola de ontem falamos do ciclo de vida dos Xenomorfos de Alien, o Oitavo Passageiro) Quero utilizar a ideia dos Ovos de Dragão para falar a respeito de dois tipos de situações em nossas vidas.

    Todos passamos por diversas situações em nossas vidas cotidianas, situações estas que demandam atitudes de nossa parte. Qualquer situação que bata em nossa porta digamos assim, podem ter dois tipos de reação de nossa parte: Ou nós as enfrentamos, ou nós fugimos delas. O grande problema é que na maioria das vezes enfrentamos situações das quais deveríamos fugir e fugimos de situações das quais precisaríamos enfrentar. 

Você: "- Como assim pastor, explique melhor por favor! "

     Com certeza, vamos explicar com exemplos. 

     Situação 1: Você tem problemas em alguma área de sua vida por exemplo, com pornografia. Hipoteticamente qualquer situação em que você esteja sozinho, é um potencial destrutivo para que você peque. Caso você insista em ficar sozinho em frente ao computador, a tentação vai aumentando, ao ponto que você não consiga mais controlar e acabe pecando.

     Situação 2: Vocês estão namorando e os hormônios estão a flor da pele. Ao chegarem na casa de sua namorada, vocês percebem que os pais não estão em casa, considerando que isto seja uma surpresa e não exatamente a intenção de vocês, esta é uma situação para fugir e não enfrentar. Se ficarem flertando com a tentação ela será incontrolável e vocês cairão.

     Situação 3: Você está vivendo a tempos de uma maneira que não gostaria, fazendo coisas das quais se arrepende. Agora não é mais tempo de fugir, mas de enfrentar este problema e destruí-lo. Se permitir que continue acontecendo, ele acabará destruindo sua vida, pois a vida pecaminosa pode ter um tempo de tolerância da parte de Deus que acaba quando sua vida termina. O que vem depois disso é a eternidade e, por isso não é saudável brincar com a eternidade.

     Situação 4: Você magoou um irmão na fé ou um familiar com alguma coisa que disse a respeito para ela ou para outras pessoas. Esta é uma situação para se enfrentar, não fugir. É necessário pedir perdão e consertar as coisas o quanto antes, cada minuto perdido o problema aumentará de tamanho e proporção até que você não consiga mais lidar com ele.

Poderia enumerar centenas, talvez milhares de situações para exemplificar o nosso comportamento mas todas elas podem ser resumidas em duas categorias: Tentação e Pecado.

A Bíblia é muito clara com relação a estes dois conceitos e nos fala de maneira muito transparente a respeito deles:

1) Devemos fugir da tentação. Os ovos só darão origem aos dragões caso sejam cuidados e sejam criadas as condições ideais para que nasçam. Se deixarmos eles de lado, naturalmente não nascerão. Mas, se dermos atenção a eles, nascerão. O mais sábio a se fazer com relação a tentação é fugir da presença dele. Este deve ser nosso comportamento diante da tentação. Deus não nos concede tentação que não podemos suportar, conforme Paulo nos alerta em sua carta aos Coríntios:

Não sobreveio a vocês tentação que não fosse comum aos homens. E Deus é fiel; ele não permitirá que vocês sejam tentados além do que podem suportar. Mas, quando forem tentados, ele lhes providenciará um escape, para que o possam suportar. 1 Coríntios 10:13.

     Não é por que este texto fala que podemos suportar a tentação que devemos testar nosso limite. José no Egito, sabia disto e quando a esposa de Potifar se ofereceu a ele, tudo o que ele conseguiu fazer foi correr o mais rápido e o mais longe que podia ir.

Ela o agarrou pelo manto e voltou a convidá-lo: "Vamos, deite-se comigo! " Mas ele fugiu da casa, deixando o manto na mão dela. Gênesis 39:12.

     Ao contrário de José, Davi viu Bate-Seba no terraço do palácio tomando banho e, ao invés de fugir, insistiu em permanecer diante da tentação alimentando-a estabelecendo aquilo que considero as fases da tentação baseado em 2 Samuel 11:

1) Desejo verso 2:

Uma tarde Davi levantou-se da cama e foi passear pelo terraço do palácio. Do terraço viu uma mulher muito bonita tomando banho, 2 Samuel 11:2
Uma tarde Davi levantou-se da cama e foi passear pelo terraço do palácio. Do terraço viu uma mulher muito bonita tomando banho, 2 Samuel 11:2
Uma tarde Davi levantou-se da cama e foi passear pelo terraço do palácio. Do terraço viu uma mulher muito bonita tomando banho, 2 Samuel 11:2
Uma tarde Davi levantou-se da cama e foi passear pelo terraço do palácio. Do terraço viu uma mulher muito bonita tomando banho, (- Deveria ter fugido aqui, Davi, deixar este ovo morrer por abandono...)

2) Curiosidade verso 3:

e mandou alguém procurar saber quem era ela. Disseram-lhe: "É Bate-Seba, filha de Eliã e mulher de Urias, o hitita". (- Davi não fique cuidando do ovo, investigando sobre a moça, ela é casada, deixe este ovo de lado...)

3) Consumação verso 4:

Davi mandou que a trouxessem, e se deitou com ela, que havia acabado de se purificar da impureza da sua menstruação. Depois, voltou para casa. (- Deu bobeira Davi, você acabou de chocar um bebê dragão chamado Pecado. Agora que ele nasceu, deve morrer, enfrente-o!)

De manhã, Davi enviou uma carta a Joabe por meio de Urias.
Nela escreveu: "Ponha Urias na linha de frente e deixe-o onde o combate estiver mais violento, para que seja ferido e morra".
2 Samuel 11:14,15
De manhã, Davi enviou uma carta a Joabe por meio de Urias.
Nela escreveu: "Ponha Urias na linha de frente e deixe-o onde o combate estiver mais violento, para que seja ferido e morra".
2 Samuel 11:14,1
     A situação de Davi vai piorando conforme ele tenta resolver uma situação da qual deveria ter fugido no primeiro momento. Quanto mais ele insiste em alimentar a tentação, mais ela consome Davi. Por esta razão devemos deixar que o dragão permaneça no ovo. Quando permitimos que ele saia, precisamos mudar de postura, ao invés de ignorá-lo e fugir, precisamos tomar nossas armas e enfrentá-lo o quanto antes. Esta é a segunda recomendação de hoje:

2) Devemos enfrentar o pecado

Quando a tentação se transforma em pecado, ele deve ser enfrentado. Quanto mais tentarmos dar um jeitinho para ele, mais forte ele se tornará como um dos dragões de Daenerys. Continuando com a história do rei Davi:

4) A Evidência do ato Verso 5:

A mulher engravidou e mandou um recado a Davi, dizendo que estava grávida. (- Davi, agora não dá mais pra esconder este dragão, resolva isso de uma vez, confesse seu pecado e arque com as consequências dele, o dragão está crescendo!)

5) Tentativa de encobrir o erro com mentiras. Verso 7 e 8

Quando Urias chegou, Davi perguntou-lhe como estavam Joabe e os soldados e como estava indo a guerra e lhe disse: "Vá descansar um pouco em sua casa". Urias saiu do palácio e logo lhe foi mandado um presente da parte do rei. (- Davi, o dragão já gospe fogo, você vai perder o controle sobre ele se não parar por aqui. Enfrente-o agora!)
Quando Urias chegou, Davi perguntou-lhe como estavam Joabe e os soldados e como estava indo a guerra,
e lhe disse: "Vá descansar um pouco em sua casa". Urias saiu do palácio e logo lhe foi mandado um presente da parte do rei.
2 Samuel 11:7,8
Quando Urias chegou, Davi perguntou-lhe como estavam Joabe e os soldados e como estava indo a guerra,
e lhe disse: "Vá descansar um pouco em sua casa". Urias saiu do palácio e logo lhe foi mandado um presente da parte do rei.
2 Samuel 11:7,8

e lhe disse: "Vá descansar um pouco em sua casa". Urias saiu do palácio e logo lhe foi mandado um presente da parte do rei.
2 Samuel 11:8
Quando Urias chegou, Davi perguntou-lhe como estavam Joabe e os soldados e como estava indo a guerra,
2 Samuel 11:7
Quando Urias chegou, Davi perguntou-lhe como estavam Joabe e os soldados e como estava indo a guerra,
e lhe disse: "Vá descansar um pouco em sua casa". Urias saiu do palácio e logo lhe foi mandado um presente da parte do rei.
2 Samuel 11:7,8
 6) Fora de controle Verso 15

Nela escreveu: "Ponha Urias na linha de frente e deixe-o onde o combate estiver mais violento, para que seja ferido e morra". (- Davi, você perdeu completamente o controle sobre este dragão, ele dominou sua mente e agora você sofrerá as consequências de ter permitido que ele ficasse tão grande e poderoso)

     Percebe que quanto mais Davi tenta resolver o problema de seu pecado com suas próprias mãos, mais ele cai na teia que construiu? Gradativamente ele vai perdendo o controle de sua vida e de suas ações.  O que começou com um simples olhar, pois ele estava no lugar errado e na hora errada (Davi deveria estar no campo de batalha com os soldados, mas resolveu dar um tempo para sua cabeça), resultou em assassinato!
     Quando pecamos, (e todos pecamos) quanto mais tempo levarmos para resolver a situação, pior ela ficará. Mate este dragão enquanto ele estiver pequeno... Não permita que o pecado cresça dentro de você ao ponto de você cometer atrocidades em nome de uma reputação falsa. Seja verdadeiro, confesse seus pecados, conserte as coisas do jeito certo para experimentar a liberdade que Cristo nos concede! Procure seu líder e converse com ele, o que está oculto só tem poder se permanecer nas sombras de sua alma. Se escolher lançar luz nas trevas com a verdade, a autoridade do inimigo desaparece de sua vida! Não se esqueça:

mas aquele que perseverar até o fim será salvo. Mateus 24:13

      Seja feliz! Saiba fugir das tentações e enfrentar o pecado. Não inverta a equação para uma vida vitoriosa enquanto você estiver na terra! Grande abraço a todos vocês e obrigado pelo carinho que vocês têm demonstrado com nosso trabalho!


Pastor Eduardo Medeiros

Nenhum comentário:

Postar um comentário