terça-feira, 14 de junho de 2016

Parábolas & Séries #7 Game of Thores: Arya Stark e a Abnegação no Templo do deus de muitas faces



https://omelete.uol.com.br/series-tv/noticia/game-of-thrones-arya-apanha-em-seu-treinamento-de-combate-na-nova-cena-da-sexta-temporada/

        Arya Stark foi com seu pai Eddard Stark e sua irmã mais velha Sansa para a capital de Westeros, Porto Real enquanto seu pai exercia a função de Mão do Rei. A intenção de Ned ao levá-la para a capital era a de que aprendesse os bons modos que se esperam de uma nobre do norte.


      Arya, porém é uma jovem pouco ortodoxa, pois o seu interesse, ao invés de vestidos e bons modos para uma dama, está em aprender a lutar. Seu pai contrata um espadachim de nome Syrio Forel para treiná-la na arte das espadas, enquanto a corte pensava que ela estava praticando dança.


      Seu pai descobre segredos que não deveria e acaba sendo alvo de uma trama para tomar o poder e o trono dos Sete Reinos de Westeros. Os conspiradores Lannisters assassinam Eddard Stark após o falecimento do rei Robert Baratheon após uma caçada. Arya precisa então fugir para não ser presa.

      Passa a viver errante por um bom tempo até que encontra Sandor Clegane, chamado "Cão de Caça" que tenta levá-la em segurança até um de seus parentes vivos para conseguir um resgate em troca.

       Após perder uma Batalha e ser abandonado para morrer, o que vemos que não acontece, Arya fica sozinha uma vez mais e parte para a cidade de Braavos onde encontra os servos do deus de muitas faces na casa do Preto e do Branco.



      Neste lugar Arya começa um treinamento para se transformar em ninguém. Precisa esquecer de onde veio e sua origem, abrir mão de seu título de nobreza, de seus pertences para poder servir a este deus da mitologia de Game of Thrones. Antes de descobrir seu propósito e descobrir quem ela é realmente, precisa abrir mão de sua identidade através da ABNEGAÇÃO. Segundo o dicionário esta palavra significa: "ação caracterizada pelo desprendimento e altruísmo, em que a superação das tendências egoísticas da personalidade é conquistada em benefício de uma pessoa, causa ou princípio; dedicação extrema; altruísmo."


     As habilidades que Arya adquiriu ao longo de sua curta vida, foram muito criticadas por sua própria família, mas mostraram-se muito necessárias para o tempo de dificuldade que surgiu após a morte de seu pai.

      Em nossa jornada na terra, somos capacitados por Deus com algumas habilidades que muitas vezes são exclusivas... Alguns gostos e vontades que temos e que não são compreendidas por outras pessoas muitas vezes tem relação com nossa missão na terra. O gosto por aprender novas línguas, a vontade de estudar coisas que mais ninguém deseja ou abraçar causas em que você sente a necessidade de ajudar em áreas onde parece que ninguém mais se importa, podem indicar um direcionamento da parte de Deus para nos capacitar no propósito que Deus tem para nossas vidas.



     Não despreze seus sentimentos ou paixões! Deus o criou com uma “mala” emocional, onde Ele colocou tudo o que será necessário para sua jornada! Seus gostos são peças no quebra cabeças divino para a descoberta de seu propósito!

      Arya precisou abrir mão de tudo para descobrir quem era e qual era o seu propósito. Talvez estejamos andando em círculos por não fazer o mesmo.



Referências Bíblicas:


"Foram as tuas mãos que me formaram e me fizeram. Irás agora voltar-te e destruir-me? Jó 10:8



As tuas mãos me fizeram e me formaram; dá-me entendimento para aprender os teus mandamentos. Salmos 119:73



Desde que nasci fui entregue a ti; desde o ventre materno és o meu Deus. Salmos 22:10

Pastor Eduardo Medeiros


Nenhum comentário:

Postar um comentário