sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Papo Teológico #8: Batalha Espiritual - Capítulo 2 - Armas de Defesa


Assim, mantenham-se firmes, cingindo-se com o cinto da verdade, vestindo a couraça da justiça e tendo os pés calçados com a prontidão do evangelho da paz. Além disso, usem o escudo da fé, com o qual vocês poderão apagar todas as setas inflamadas do Maligno. Usem o capacete da salvação e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus. Efésios 6:14-17

     Bom dia, boa tarde ou boa noite a vocês caríssimos ou caríssimas companheiros de  Parábolas Geek! Gostaria de dar continuidade hoje em nossa coluna Papo Teológico, com a segunda parte de nossa conversa sobre Batalha Espiritual. 

     Lembrando que no texto anterior, falamos sobre a Espada de Deus que é nossa única arma de ataque. Não leu? Quer ler de novo? Acesse o link abaixo e veja o primeiro capítulo desta saga:

               
     Na segunda parte desta série, quero falar sobre as armas de defesa que Deus providenciou para que pudéssemos ficar firmes contra nosso inimigo: A Armadura de Deus. Uma vez que nossa luta acontece na esfera espiritual precisamos de equipamentos espirituais. Deus nos deu uma armadura completa! Se você usar uma parte mas esquecer outra, satanás vai atacar sempre onde na região que estiver desprotegida!Vamos conhecer um pouco mais de perto cada uma dessas partes:


1 – O Cinto da Verdade.

             Satanás é mentiroso (João 8:44) Então o cristão deve vencê-lo com a verdade.
             O cinto unia as outras partes da armadura então a verdade é a integração da vida do cristão vitorioso.
            Um cristão íntegro pela verdade tem a consciência limpa e enfrenta o inimigo sem medo algum. O cinto também prendia a espada.
            Se você não usar a verdade como lema em sua vida, não poderá usar a Espada o que é a espada? A Palavra de Deus!
         Uma vez que a mentira entra em sua vida do cristão, todo o resto começa a desmoronar.
            Davi passou um ano mentindo sobre seu pecado com Bate-Seba e tudo deu errado. Leia o Salmo 32 e 51 para ver a consequência do pecado dele. 

Sei que desejas a verdade no íntimo; e no coração me ensinas a sabedoria.
Purifica-me com hissopo, e ficarei puro; lava-me, e mais branco do que a neve serei.
Salmos 51:6,7

Sei que desejas a verdade no íntimo; e no coração me ensinas a sabedoria.
Purifica-me com hissopo, e ficarei puro; lava-me, e mais branco do que a neve serei.
Salmos 51:6
Sei que desejas a verdade no íntimo; e no coração me ensinas a sabedoria.
Purifica-me com hissopo, e ficarei puro; lava-me, e mais branco do que a neve serei.
Salmos 51:6,7
2 – A Couraça da Justiça.



     Era composta por duas placas metálicas que cobriam o peito e as costas do soldado.

     Simboliza a justificação do cristão e sua vida justa no Senhor.


     Satanás é o Acusador, mas só pode nos acusar se a nossa vida não estiver alinhada com a Palavra de Deus e com a obra de Cristo.

     Este é um ponto muito importante pois muitos acham que por aceitar a Cristo um dia já está tudo resolvido. Sua vida precisa ir ao encontro da obra de Cristo em sua vida. Apenas falar a respeito de Cristo é muito diferente de Viver a vida de Cristo. Palavras não garantem que estejamos no centro da vontade de Deus e isto pode desalinhar sua couraça. Ela precisa ser amarrada e alinhada diariamente sob o risco de ficar folgada no soldado, abrindo brechas em seu caráter que será exatamente o ponto de ataque do inimigo.

     Viva de maneira coerente com aquilo que você prega. Quando Satanás nos acusa é a justiça de Cristo que nos protege. Mas se não vivermos de acordo com esta justiça, vamos abrir espaço para ataques. Mantenha sua couraça justa sem espaços!

3 – As sandálias do Evangelho


     No exército Romano, os soldados usavam sandálias que tinham cravos que prendiam as tiras e elas tinham a função de fazer com que eles pudessem resistir aos ataques no chão sem cair. 

     Eu e você temos paz com Deus porque um dia fomos apresentados ao Evangelho. Então devemos manter esta paz não apenas com Deus mas uns com os outros. É assim que vencemos o diabo nesta área. Senão temos problemas com ninguém o diabo não vai usar essas pessoas para tirarem nossa paz.

     Resolva seus problemas com qualquer pessoa. Peça perdão, conceda perdão.

    Outra função desta arma é fazer com o que o diabo perca terreno pois quanto mais eu e você pregarmos o evangelho menos pessoas estarão do lado dele nesta batalha cósmica.

   Para vencer uma guerra mais fácil é importante que preguemos o evangelho de Cristo.

4 – O Escudo da fé


            Este escudo tinha cerca de 1,20 de altura por 60 de largura e protegia o soldado de lanças flechas e dardos inflamados. Tinha uma lateral que se encaixava no escudo do soldado ao lado e formava uma parede sólida que protegia todo o grupo.



      Isso fala sobre não estamos sozinhos na batalha mas que podemos e devemos contar uns com os outros em nossa jornada. No tempo de Paulo os soldados lancavam flechas acesas em direção aos inimigos para que pegassem nos escudos e os incendiassem para que eles jogassem fora e ficassem desprotegidos.

    Satanás lança estes dardos em nosso coração.  Com mentiras, calúnias, fofocas e todo o arsenal infernal contra você. Se você não apagar estes dardos pela fé em Jesus Cristo que fez de você mais que vencedor, seu escudo vai ser incendiado e vc vai abrir frente para os ataques.

    Muitos enxergarão nas pessoas inimigos e vão começar a se sentir vitimas de pessoas más, porque permitiram que o inimigo incendiasse o escudo da fé. Mantenha uma fé diária nas promessas de Deus para sua vida e apague os dardos inflamados do inimigo.

O capacete da salvação


      Satanás ataca nossa mente em todo tempo. Foi assim que ele venceu Eva. O capacete da salvação fala de uma mente controlada por Deus.

     Nós precisamos buscar sempre conhecer mais a respeito de nossa fé. Quanto mais conhecimento tivermos menos seremos enganados em nossa mente.

     Não podemos ser enganados. Se isso é importante para você você tem que dar prioridade a este capacete.

     Muitos tem sido vítimas do inimigo por não terem conhecimento e por isso são enganados chegando a um ponto onde mesmo que vejam o que a palavra de Deus diz a respeito de determinado assunto, as mentiras cegam seu entendimento para a VERDADE de Deus.

  
De certa maneira esta armadura fala sobre Cristo:

Ele é Verdade João 14:6
Nossa justiça 2 Co 5:21
Nossa fé só é possível por causa de sua fidelidade Gl 2:20
Ele é nossa salvação Lc 2:30
E a Palavra de Deus João 1:1
Quando você aceita a Jesus ganha a armadura. Ela é sua para sempre.

     Mas existe uma grande diferença entre ter alguma coisa e usar esta mesma coisa.

     Se você não vestir esta armadura espiritual todos os dias, não adiantará nada.
Davi tirou a armadura e em vez de lutar ficou no palácio quando deveria estar lutando e sua vida caiu em desgraça sofrendo muito em consequência de seus atos.
     Nunca estamos distantes dos ataques de Satanás então precisamos vestir a armadura todos os dias!

     No Próximo e último capítulo desta série, vamos falar sobre a Inteligência Militar Celestial e sobre o combustível que nos permite vencer esta batalha! Não perca nosso próximo Papo Teológico!

 Pastor Eduardo Medeiros

    


Nenhum comentário:

Postar um comentário