segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Parábolas & Séries #16 Legion, Sexo sem Compromisso e Pais ausentes

Imagem disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=2wzEuAIL5eo

     Charles Xavier tem um filho e David é o seu nome. Fruto de um breve romance entre Charles e Gabrielle Haller, a quem o professor ajudou a sair de um estado de catatonia por causa dos horrores da guerra em Israel. 



     Descobriu-se mais tarde que David tinha diversos distúrbios psiquiátricos como múltiplas personalidades, catatonia e autismo agudo. Seu poder mutante de criar e absorver personalidades o levou a um estado de coma por muitos anos. Quando Charles descobre que ele é seu filho não consegue lidar bem com a nova informação. Quando David retorna do coma, sentindo-se rejeitado por seu pai, usa as habilidades recém-descobertas de viajar no tempo para voltar ao passado e matar Magneto antes dele se tornar o vilão temido que consumiu os anos de seu pai na eterna batalha entre suas visões sobre o papel dos mutantes diante da humanidade.

     David Charles Haller regressa a Israel onde Eric Magnus e seu amigo Charles Xavier trabalham como voluntários em uma clínica psiquiátrica com atormentados pela Guerra. Inicia-se uma caçada onde Legião busca acabar com Magneto antes dele se tornar tal vilão. A batalha foi intensa e termina com a morte de Charles Xavier no passado nos braços de Eric Magnus.

     Este evento cataclísmico, um mundo sem Charles Xavier e os X-Men para protegerem o mundo dos inimigos, causa uma anomalia temporal e todo o futuro será alterado. En Sabah Nur, o vilão imortal Apocalipse, assiste ao evento e entende que o momento de sua ascensão é este. Uma nova Era será inaugurada por este evento de magnitude épica denominado Era de Apocalipse.

     O nome Legião vem de uma citação bíblica onde Jesus pergunta a um demônio seu nome e sua resposta é que se chama Legião porque são muitos. A referência "Legião, diz respeito a um agrupamento de soldados romanos que poderia variar de 1000 a 8000 homens em cada destacamento.

Então Jesus lhe perguntou: "Qual é o seu nome? " "Meu nome é Legião", respondeu ele, "porque somos muitos". Marcos 5:9

     Sendo um mutante nível ômega, a extensão total de seus poderes ainda não foi descoberta, imagina-se que ele possua milhares ou até mesmo milhões de personalidades diferentes que incluem até mesmo o poder de manipulação da realidade em escala universal! Para saber o que é isso, vamos aguardar a chegada de Thanos em Guerra Infinita em 2018...

O que aprendemos com a relação entre Charles e David? Duas lições principais podemos extrair da Parábola de hoje.

     A primeira delas está na consequência de não valorizarmos os relacionamentos. Um romance sem pretensão de Charles Xavier gerou uma vida que cresceu com diversos problemas, pois não tinha referência paterna nem o apoio em seu tratamento médico. O ato sexual não deve ser tratado com leviandade, pois vidas estão em risco. O sexo possui um contexto bíblico dentro da proteção do matrimônio e o fenômeno que vemos da banalização do sexo só é possível em uma sociedade que idolatra a si mesmo, onde a satisfação de seus próprios prazeres deve ser buscado sem maiores consequências. Jovens egoístas, narcisistas e egocêntricos procuram satisfação imediata sem pesarem os resultados de suas ações imaturas.

     A segunda lição que podemos extrair de nossa parábola é que vivemos um período da história onde o maior ataque de nosso inimigo tem sido contra às famílias. Muitas crianças estão crescendo em lares sem a presença de um dos pais, em geral do pai, que se torna ausente na vida de seu filho e com isso gerando raiva, ira e mágoa no coração das crianças que crescem desta maneira. Independente de qualquer coisa que aconteça ao casal, como a separação ou divórcio, os filhos devem permanecer prioridade na vida dos adultos. Alguns ex-maridos tratam seus filhos como ex-filhos, como se tal atrocidade fosse possível. O amor (ou a falta dele) serão fatores determinantes na formação do caráter dos jovens e futuros adultos.

     A relação (ou a ausência dela) entre pai e filho determinará a visão que a criança terá de Deus. Se esta relação não existir, Deus será ausente na vida desta pessoa. Precisamos entender a paternidade de Deus e a responsabilidade que é se ter um filho.

Referências Bíblicas

Jesus lhes deu esta resposta: "Eu lhes digo verdadeiramente que o Filho não pode fazer nada de si mesmo; só pode fazer o que vê o Pai fazer, porque o que o Pai faz o Filho também faz. João 5:19

O filho tolo só dá tristeza, e nenhuma alegria tem o pai do insensato. Provérbios 17:21

E irá adiante do Senhor, no espírito e no poder de Elias, para fazer voltar o coração dos pais a seus filhos e os desobedientes à sabedoria dos justos, para deixar um povo preparado para o Senhor". Lucas 1:17


Pastor Eduardo Medeiros

Nenhum comentário:

Postar um comentário